Pesquisar este blog

26.11.09

Déjà vu


(Imagem Google search)

À janela crispada de enredos
debruço esquinas cansadas

tolices me cabem bem mais

toda a complexidade
das grandiosidades alheias
parece-me minúscula
diante do dia de hoje

seus séquitos excêntricos
pseudo cabais

já que lá fora o circo
eu vejo em chamas
e os porcos faceiros
chafurdam na lama

enquanto procriam
contendas letais

Agatha R.

2 comentários:

FláPerez (BláBlá) disse...

Achei excelente.
manda uns dois poemas e uma foto em pb pro meu email.
Pra uma exposição.
flavia_perez@hotmail.com

Malu disse...

ok! uhuuu!