Pesquisar este blog

10.3.09

As cartas que Não Mandei




Você me pergunta o que diria nas cartas que não mandei. Não sei. Há tantas coisas que ficam por dizer, pequenos sussurros não ditos escondidos pelos cantos das conversas.

Poderia dizer que te amo com letras grandes, apenas para te fazer sorrir. Você sempre reclama por que digo que apenas gosto, que tenho afeto, reclama pelo Eu te Amo não dito.

Poderia envelopar o abraço que não dei nos dias em que não fui te ver.

Falamos tanto e ainda assim você quer mais. Não sei se há algo além, não há segredos a contar já te disse todos. Acho que está enganado o que quer mesmo é envelopar o silêncio. Sabe aquele silêncio bom e cúmplice?

Acho que gostaria disso.

Então nessa carta que talvez eu nunca mande,que talvez jamais te alcance eu te enviaria meu abraço,minha pele silenciosamente encostada na tua enquanto ouvimos a chuva caindo mansamente.




* tela : The Letter oléo sobre tela de David Carmack Lewis http://davidcarmacklewis.com/portfolio/africa.htm

2 comentários:

Glauber Vieira disse...

Gostei, bem singelo e bonito.

Rosa Cardoso disse...

Obrigada,Glauber.