Pesquisar este blog

12.11.09

O Fruto




Tu me penetras, repleto de luz,
Pura beleza em perfil e semblante.
Lábios e mãos, um calor abrasante,
Bem-vinda estrela, teu brilho seduz.

Ah, deus do Olimpo, meu macho e meu par...
Ramos de oliva tu tranças em pelo,
Coroas com rosas o meu cabelo,
Vieste a esse mundo pra me encantar.

Apolo te inveja e Afrodite te quer,
Cobram de Eros, que uniu a nós dois,
Ter-nos dado o Amor que é infinito, pois
Nós somos apenas homem/mulher.

Antes que Chronos nos cobre o tributo,
Felizes mortais, provemos do Fruto...


Magmah

Um comentário:

Larissa Marques disse...

amo mitologia e chronos é meu regente!
muito bom!