Pesquisar este blog

21.11.09

Quinta estrela

http://mob185.photobucket.com/albums/x93/perdida2007/MULHERES3/estrela_mulher.jpg?t=1242309515


Eu poderia,
numa hora dessas,
ser alguma atriz.

Encenar uma peça
onde no fim da festa
pusesse meu sonhos na ponta da quinta estrela

deixando-os
pendurados
de cabeça para baixo

por um triz.

Ou será
que em todos esses devaneios
em toda essa ideia de esquecer meus anseios

eu já não o fiz?






(Jessiely Soares)

3 comentários:

RAUL POUGH disse...

Já. E de cabeça pra baixo. Como sóe aos sonhos. Ah, eu gostei disto, confesso! Bj.

Patrícia Gomes disse...

Há tanta suavidade nesse poema, que parece até natural e nada dorido o questionar...
Obrigada, frô! ;o)

FláPerez (BláBlá) disse...

gostei bastante!