Pesquisar este blog

1.5.10

Verdade Séptica







Moldei minha face
com todas as que enfrentei;
medi minha vida em
enferrujados dedais,
projetei os nervos retalhados
nos vitrais dos dias,
cuspindo o bagaço do caminho
trilhado às pressas.
Na esquina da noite
uma verdade séptica
como um grito pingando no ar:

Tenho medo!

Patrícia Di carlo
Imagem: Jenniholma

Um comentário:

Larissa Marques disse...

em momentos difíceis resta-nos admitir!
muito bom, bjk!